Voltar

Blog

Qual o melhor alarme para o carro?

A KOSTAL fornece alarmes para carros em linha de montagem, conhecidos como "OEM", desde os anos 90, mas para o mercado de reposição, ou "Aftermarket automotivo", o início da produção foi em 2010, junto com a homologação dos alarmes originais VW TECH. São décadas desenvolvendo eletrônica para veículos, o que permite dizer que os alarmes KOSTAL são, com certeza, uma excelente opção para qualquer veículo.

Mas onde começa a história dos alarmes? Quando um alarme passou de um vigia dando gritos de alerta para um produto tecnológico? Quem foram os inventores que deram início a esta indústria? Quer conhecer uma breve história dos alarmes? É só continuar com a gente, mergulhando neste post. No fim, um bônus: 5 dicas de ouro para ajudar você a escolher a melhor opção de alarme para o seu veículo.

A JORNADA DOS ALARMES ATÉ OS DIAS DE HOJE
Ameaças existem em todos os lugares, desde sempre. E se existem ameaças, é preciso um sistema de proteção. Nos primórdios da história humana, quando passamos a viver em aldeias, uma pessoa do grupo tinha a responsabilidade de alertar os demais quando um perigo surgia. Entre os animais, suricatos, chimpanzés, gansos e tantos outros, diversos deles mostram que o conceito é universal: quando um perigo aparece, é preciso avisar!

Na Idade Média, por exemplo, uma forma de invadir fortalezas era cavando túneis por baixo de seus muros. Para se proteger (e reagir, se fosse o caso), quem estava protegido por estes muros colocava barris de água em pontos estratégicos: se a água do barril mostrasse vibração, era porque uma escavação estava acontecendo por ali.

E assim, junto com muitos outros exemplos, a história dos alarmes começa antes mesmo da invenção do primeiro modelo!

BATISMO E PRIMEIROS PASSOS
Há dois caminhos para explicar a origem do nome ALARME. Algumas pessoas vão ao italiano, onde a expressão "All'arme", ou seja, "Às armas!", explica tudo de forma coerente. Outros preferem beber na fonte de inglês antigo e acreditam que a origem vem do termo "Alarum", usado para se referir ao som de um sino ou a um homem de guarda que sinalizaria o perigo gritando.

O nome traz confusão... a paternidade também! O primeiro sistema de alarme foi patenteado em 1853 pelo reverendo Augustus Russell Pope. Com o registro em mãos e cheio de planos e esperanças, Pope foi às vendas, mas os números foram tímidos. Assim, poucos anos depois, vendeu os direitos da patente para Edwin Holmes, que teve mais sucesso e é conhecido como o "Pai da indústria de alarme contra ladrões".

Assim, no fim do século XIX, casas e estabelecimentos comerciais já contavam com a proteção dos alarmes, mas havia uma novidade nas ruas: o carro, um bem que custava caro e atraia olhares mal-intencionados... e isso nos levou ao primeiro roubo de carro registrado, que ocorreu em Paris, no ano de 1896. É, algo precisava ser feito, mas ainda não era hora de pensar em alarmes: em 1900 o suprassumo da tecnologia para proteger um carro era o volante removível. É, algo ainda precisava ser feito.

Algum tempo depois, com uma pitada de cinismo, o primeiro alarme automotivo da história foi inventado por um... prisioneiro! A ideia veio da penitenciária de Denver, no Colorado, em 1913. Não se conhece a identidade do preso, mas sabemos que o primeiro alarme para carros era simples: montado manualmente, percebia o movimento do motor caso alguém fosse dar a partida e bloqueava o processo.

Em 1916, foi criado um sistema de alarme sem fio, que alertava o proprietário de um carro por meio de um dispositivo vibratório, caso alguém tentasse dar a partida indevidamente.

Em 1918 uma invenção de St. George Evans e Edward N. Birkenbeue combinava alarme e imobilizador, impedindo a partida e acionando a buzina em caso de tentativa de furto.

É HORA DE GANHAR O MUNDO
Até então, tudo se resumia a ideias criativas, mas que não ganhavam escala. Veio então o primeiro alarme para carros produzido em massa. O dispositivo, patenteado por Victor Helman, em 1954, era instalado no porta-luvas, com cabos ligados ao capô, porta-malas e portas. Se o carro fosse aberto sem que a chave do alarme (localizada na parte externa do carro) fosse desligada, o alarme disparava.

Os alarmes que listamos aqui eram aqueles conhecidos como "Aftermarket automotivo", dispositivos que você compra e instala no seu carro depois que eles já saíram da linha de produção. Os alarmes OEM, instalados pelas montadoras antes da comercialização dos veículos, surgiram apenas no começo dos anos 70, sendo a Chrysler uma das primeiras montadoras a adotar a tecnologia.

PASSADO, PRESENTE E FUTURO
Os alarmes do passado parecem brinquedos, mas deram início a uma indústria e, até ganharem o status de "simplórios", protegeram o patrimônio de muitas pessoas com sucesso.

Estas raízes geraram frutos, a tecnologia evoluiu e se tornou acessível. Hoje é possível contar com alarmes de todos os tipos, com diferentes graus de sofisticação, como os diversos modelos de alarmes para carros e motos que a KOSTAL oferece. Embora os melhores alarmes de hoje impressionem pelos recursos disponíveis, o futuro trará boas notícias.

Pense em um alarme que, diante de uma invasão, grava o que acontece dentro do carro e transmite este conteúdo em tempo real para o seu celular. Quem sabe uma tecnologia assim não permite a identificação do criminoso por reconhecimento facial? Que tal exibir para o criminoso seu rosto e identificação na tela multimídia do carro, como forma de desencorajar o furto? Ou ainda a opção de transmitir um alerta para as forças policiais? A chegada do 5G aliada ao avanço constante da tecnologia trará possibilidades que ainda desconhecemos... e pode ser que, num futuro não muito distante, as pessoas olhem para os alarmes automotivos mais sofisticados que temos hoje e digam: "Nossa, olha como eram os alarmes 'de antigamente'... pareciam brinquedos".

VAI ÀS COMPRAS? APROVEITE NOSSAS DICAS!

CONHEÇA OS TIPOS DE ALARMES

Há diferentes tipos de alarmes e você precisa conhecê-los para fazer uma compra de qualidade. Vamos mostrar uma lista resumida, mas você pode pesquisar mais a fundo para encontrar o alarme ideal:

Perimétrico - Detecta a abertura ou tentativa de realizá-la;

Volumétrico - Monitora movimentos e sons dentro do veículo por meio de um sensor;

Sensor de movimento adaptado - É um dispositivo que pode ser instalado em conjunto com equipamentos mais modernos, que capta os movimentos do carro por meio de um acelerômetro (pode alertar para um guinchamento, por exemplo);

Bloqueador de freios e parte elétrica - Consiste no conjunto formado por uma trava que se instala entre o volante e os freios do veículo, e uma chave oculta que liga/desliga a parte elétrica;

Rastreador - É um equipamento GPS que mostra a localização do veículo constantemente.

Se não quiser se tornar um especialista em tipos de alarme, escolha um bom profissional, diga o que quer e peça ajuda. Bons profissionais prestam assessoria tanto para encontrar um produto que o atenda, como para sugerir recursos que muitas vezes desconhecemos, mas que fazem a diferença no nível de proteção, comodidade e conforto.

INSTALE UM ALARME
Isso é uma dica óbvia, não? Depende. Muita gente quer um alarme ultrassofisticado, mas adia a compra por questões financeiras. Não faça isso. Há alarmes de todos os tipos e valores. Ter uma opção simples ou começar com um modular, instalando apenas o básico, é melhor do que deixar seu carro desprotegido. Conte SEMPRE com a segurança de um alarme: instale o alarme que couber no seu orçamento, mesmo que seja o mais simples e, quando for o momento, faça o upgrade para um modelo superior.

VERIFIQUE AS FUNCIONALIDADES
Os alarmes mais básicos travam portas, porta-malas e capô. Há modelos que acionam janelas, faróis, sirenes, alto-falantes e tem sensores adicionais. O fundamental para um bom alarme é proteger seu carro, mas funcionalidades extras podem trazer mais conforto.

CONTE COM UM INSTALADOR COMPETENTE
Seja cuidadoso ao escolher um profissional para instalar um alarme. Investigue o estabelecimento, que deve ser limpo e organizado, com funcionários uniformizados e com boa apresentação. Converse com o profissional para checar seu conhecimento do assunto e a qualidade do atendimento. Pergunte se a instalação afeta a garantia do seu carro ou se a bateria suporta o consumo do novo equipamento: bons profissionais dão respostas seguras, demonstram conhecimento e prestam atendimento atencioso ao cliente.

DESCONTO EM SEGURADORA
Muitas seguradoras oferecem benefícios para quem instala um alarme automotivo. Verifique o manual do seu seguro, converse com o atendimento ou consulte seu corretor. 

Pronto, você já conhece um pouco mais sobre alarmes e sabe onde deve prestar atenção para escolher o melhor para o seu carro. Que tal navegar pelo site da KOSTAL agora para conhecer todos os alarmes que oferecemos?

Receba artigos sobre o mundo automotivo antes de todo mundo! Componentes, peças e guias completos com dicas para cuidar do seu carro escritas por profissionais da área.
Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.
Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

Categorias

Posts Recentes

Caminhão Preparado, Caminhoneiro Seguro!
A revisão evita um problemão!
A falta dos "microchips" e sua importância na produção dos veículos.
Qual o melhor alarme para o carro?
Peças e Acessórios automotivos nos Marketplaces. Realidade ou Ilusão?

Outras notícias

12/01/2022
Caminhão Preparado, Caminhoneiro Seguro!
Pegar a estrada todo dia, conhecer novos destinos, mergulhar nas mais diferentes paisagens e conhecer novas pessoas, vivendo com liberdade.
10 minuto(s) para ler
22/12/2021
A revisão evita um problemão!
Em linguagem simples, fazer a revisão mecânica de um carro significa dar uma olhada para ver se tudo está bem, mas botar a mão na massa vai além desta visão resumida.
10 minuto(s) para ler
10/12/2021
A falta dos "microchips" e sua importância na produção dos veículos.
Fala-se muito sobre as incessantes paradas de produção das montadoras em 2021 e que uma das principais causas de tudo isso é a falta de componentes eletrônicos, em particular, dos semicondutores.
9 minuto(s) para ler
24/11/2021
Peças e Acessórios automotivos nos Marketplaces. Realidade ou Ilusão?
Enquanto estávamos isolados em nossas casas, celulares e computadores foram nossa janela para o mundo.
9 minuto(s) para ler

KOSTAL Eletromecânica LTDA - CNPJ: 60.852.274/0001-30
Avenida Redenção, 495, São Bernardo do Campo/SP
Copyright© 2022 - Kostal Todos os direitos reservados
Agência WebSide
Utilizamos cookies para analisar sua interação com nosso site e melhorar o conteúdo oferecido. Também usamos dados pessoais, conforme a Política de Privacidade e Uso dos Sites KOSTAL. Ao continuar a navegar, você concorda com nossa Política.
Saiba mais
Estou de acordo